quinta-feira, 23 de maio de 2019

Pudim de atum

O meu marido , de vez em quando, pedia pudim de atum. No entanto, nunca o tinha feito. Falando com a minha filha, veio à baila este pudim e resolvemos fazê-lo as duas ( cada uma no seu país, eheh). A receita é do canal do youtube da Leonor Santos e vou deixá-lo abaixo, para quem quiser ir ver.























Ingredientes:

200 gr de pão triturado 
150 ml de leite
1 lata grande de atum ( 500 gr)
1 cebola média picada
salsa picada
5 dentes de alho picados
2 ovos
2 batatas pequenas cortadas aos cubos
2 cenouras também aos cubos
azeitonas às rodelas
1 lata pequena de ervilhas
1/2 pimentão verde e 1/2 pimentão vermelho picados
azeite , massa de pimenta e calda de tomate q.b.

Demolha-se o pão e reserva-se. Cozem-se as batatas e as cenouras durante 5 minutos ( não precisam ficar muito cozidas).

Numa wok coloca-se o azeite, a cebola e os alhos e deixam-se refogar. Junta-se o pimentão, a massa de pimenta e a calda de tomate. Deixa-se tomar gosto. Acrescenta-se a batata, a cenoura e as ervilhas. Depois, mistura-se também as azeitonas, a salsa e o atum. Quando estiver bem apurado ( cerca de 2 minutos), junta-se o pão embebido em leite. Mexe-se tudo muito bem. Retificam-se os temperos.


A mistura deve arrefecer durante 15 minutos e depois juntam-se os dois ovos batidos.

Unta-se uma forma e polvilha-se com pão ralado. Vaza-se lá o preparado e leva-se ao forno pré-aquecido a 180º durante 45 minutos.

























O pudim por dentro ( já quase tinha desaparecido quando me lembrei de fotografar)


Muito bom para os dias mais quentes acompanhado com uma salada. Espero que gostem.

O link da receita:

terça-feira, 21 de maio de 2019

Coquini

Andava com vontade de experimentar esta sobremesa do Cookidoo da Bimby. Aproveitei um almoço em família para a fazer. É para "chocolate lovers" e não é exatamente pouco calórica, mas uma vez por outra ( e dividida por todos) até soube bem.

INGREDIENTES

  • 200 g suspiros partidos em pedaços
  • 50 g açúcar
  • 3 ovos
  • 250 g manteiga
  • 250 g chocolate p/ culinária (53% cacau) partido em pedaços, mais q.b. em raspas p/ guarnecer
  • 150 g café preparado
  • Água q.b. p/ humedecer

Preparação


  1. Coloque um recipiente sobre a tampa da Bimby®, pese os suspiros e reserve.
  2. Coloque no copo o açúcar, 2 ovos, 1 gema de ovo e a manteiga e bata 4 min/50°C/vel 5. Adicione o chocolate e aguarde 1 minuto até que derreta.
  3. Adicione o café e misture 1 min/vel 4. Retire e envolva com os suspiros reservados. Coloque numa forma (20x10 cm aprox.) humedecida com água e leve ao frigorífico cerca de 8 horas até ganhar consistência. Guarneça com raspas de chocolate e sirva bem frio.


Espero que gostem.

sexta-feira, 17 de maio de 2019

Bolachas saudáveis com chocolate negro e tâmaras

Eu, gulosa, me confesso: gosto sempre de ter à mão, umas bolachinhas para quando me apetece trincar qualquer coisa. Prefiro as bolachas caseiras às de compra, pois pelo menos, sei ao certo os ingredientes utilizados na confeção das mesmas.  Estas são deliciosas e sem adição de açúcares. Foi a minha filha, acérrima defensora da comida saudável, que me passou a receita.























Ingredientes:

150 gr de chocolate negro ( 80% cacau)
80 gr de tâmaras sem caroço
1 ovo
1 colher de sopa de cacau
50 gr de farinha de amêndoa
umas gotas de baunilha

Tritura-se o chocolate juntamente com as tâmaras ( 10 seg / vel 8). Acrescenta-se o cacau, a farinha de amêndoa, o ovo e a baunilha e mistura-se tudo ( 15 seg / vel 5).

Coloca-se a massa obtida no frigorífico durante 30 minutos +-, para que fique mais consistente. Com a colher de gelados , moldam-se bolinhas que se dispõem num tabuleiro protegido com tapete de silicone. Achatam-se as bolinhas com a ajuda de um garfo.

Levam-se ao forno pré-aquecido a 180º durante 10-12 minutos.  Deixam-se arrefecer e guardam-se numa lata.























Espero que gostem.

quarta-feira, 15 de maio de 2019

Pão integral de batata

Gosto imenso de pão e tento fazer receitas mais saudáveis. Esta que hoje trago foi baseada numa do livro "200 receitas de pão", contudo usei farinha de trigo integral e juntei também algumas nozes e corintos. Ficou muito fofinho e saboroso. Fiz na Bimby, mas pode ser feito na máquina de pão.






Receita:

150 gr de batata cozida
200 ml de leite
75 gr de manteiga
1 colher de chá de sal grosso
1/4 de colher de chá de curcuma ( açafrão da Índia)
250 gr de farinha de trigo integral
200 gr de farinha de trigo
2 colheres de chá de açúcar de coco
1 carteira de fermento tipo Fermipan
nozes e corintos a gosto ( facultativo)

Coza as batatas em água a ferver com sal até amolecerem ( 10 min +-) Escorra e esmague-as bem ( Bimby 10 seg, vel 3).Reserve.

Coloque no copo o leite, o açúcar, o fermento e a curcuma e programe 1 min, temp 37º, vel 3.

Acrescente as farinhas , o sal e a batata esmagada e programe 6 min, Espiga. Adicione as nozes e os corintos e bata mais 30 seg na mesma velocidade, só para envolver.

Deixe levedar. Unte uma forma e deite lá a massa. Deixe levedar novamente.

Aqueça o forno a 180º durante 5 minutos. Pincele o pão com um pouco de manteiga ( usei spray) e polvilhe com sementes de sésamo e alguns flocos de aveia.



Deixe cozer durante 35-40 minutos.



Espero que gostem.

sábado, 11 de maio de 2019

Quadrados de chocolate saudáveis

Ótimos para um snack ou para quando apetece um miminho doce, estes quadradinhos são ideais, pois nem levam açúcar. Não tinha as pepitas de cacau crú que a receita pedia, mas a verdade é que as acho muito duras e sem graça. Em alternativa usei avelãs grosseiramente trituradas e algumas pepitas de chocolate.




Receita (Continente Magazine de maio)

1/4 chávena de manteiga de amêndoa
1/2 chávena de tâmaras sem caroço
3/4 de chávena de bebida de amêndoa
1 colher de sopa de essência de baunilha
1/4 de chávena de cacau em pó
1 e 3/4 de chávena de flocos de aveia
1/3 de chávena de cacau em pepitas ( não tinha e usei avelãs trituradas e pepitas pequenas de chocolate)

Num robô de cozinha ( usei a Bimby) insira a manteiga de amêndoa, as tâmaras, a bebida de amêndoa e a essência de baunilha. Triture tudo muito bem ( 15 seg, vel 6).

Junte o cacau e os flocos de aveia. Triture de novo. Deite esta mistura num tabuleiro forrado com papel vegetal e espalhe , fazendo um retângulo de 2 cm de altura.

Polvilhe com as pepitas ( ou no meu caso com as avelãs) e pressione-as ligeiramente contra a massa.

Leve ao forno pré-aquecido a 160º por cerca de 15 minutos.

Retire, deixe arrefecer e corte em quadrados.























Espero que gostem.

quarta-feira, 8 de maio de 2019

Pequena bailarina

Adoro as imensas possibilidades que a técnica Amigurumi ( figurinhas em croché) permite. São projetos que me dão muito prazer a confecionar e há um número sem fim de modelos que podemos utilizar do Pinterest e do Youtube. Para quem, como eu, não tem muita experiência, estes vídeos são uma ajuda preciosa. Foi o caso desta pequena bailarina  que, espero,  irá alegrar a menina a quem se destina.



Espero que gostem.

sábado, 4 de maio de 2019

Colete em ganga e croché

Sinto-me muito mais à vontade no tricô, verdade seja dita. No entanto, todas as vezes que via casacos feitos em croché no Pinterest, ficava com imensa vontade de experimentar. Tentei uma vez com lã, mas achei que tinha ficado um pouco "garrido" demais para o meu gosto e o tal casaco transformou-se numa mantinha que ainda há de ter fim qualquer dia (kkk).

Tinha umas calças de ganga já em fim de vida e a vontade de fazer qualquer coisa com elas falou mais alto. Fiz uns quadrados em ganga, enfeitei-os com linha de algodão e "voilá", estava com a parte da frente pronta. Porém, já não tive mais ganga para as costas, daí ter improvisado com uns " granny squares" em tons de azul e penso que no final, o resultado foi bastante satisfatório. 

                                           ( a frente)

As calças de ganga ( que podem servir de inspiração para qualquer outro trabalho):



E as costas:


Ficou à anos setenta, como disse o meu marido. Eu acho que vai servir muito bem para os dias mais frescos de primavera. Espero que gostem.