quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

Bolo salgado de beringela


Identifiquei-me com a amiga Dinha ( Pitéis da Dinha) quando ela disse que não morria de amores por beringela.No entanto ela fez e recomendou um belíssimo bolo salgado com beringela. Gosto imenso das receitas da Dinha e já fiz algumas, todas deliciosas.Resolvi,por isso, experimentar também e só me arrependi por ter feito metade da receita.Para a próxima vai ser a que vou deixar abaixo.



Cake de beringela ( do blog Pitéis da Dinha)

3 beringelas com casca e cortadas aos cubinhos
sal, pimenta e alho em pó q.b.
azeite q.b.

Levar as beringelas, num tabuleiro, ao forno a 180º durante 30 minutos. Reservar e deixar arrefecer.


5 ovos
3 colheres de sopa de manteiga sem sal
1/2 chávena de leite
1 chávena de queijo parmesão ralado ( usei da Ilha )
2 chávenas de farinha
1 colher de sopa ( rasa) de fermento em pó
1/2 chávena de nozes picadas
1/2 chávena de azeitonas verdes picadas ( usei das pretas às rodelas)
pimenta q. b.
3 dentes de alhos picados ( não usei porque já tinha usado nas beringelas)


Preparação:
( usei a Bimby,mas pode ser feito na batedeira)

Bata os ovos com a manteiga durante 5 minutos, velocidade 5. Acrescente o leite , o queijo e a pimenta. Bata mais um pouco. A seguir misture a farinha com o fermento,mas não bata em demasia.
Junte por fim as nozes e as azeitonas e envolva tudo.

Unte uma forma com manteiga e forre com papel vegetal ( por precaução). Coloque lá a massa e leve ao forno pré-aquecido a 180º durante 35 minutos ( ou até que fique cozido, depende dos fornos).



Desenforme e deixe arrefecer ( quase não consegui deixar arrefecer pois o cheiro que se espalhou na cozinha era maravilhoso!!)













































Uma delícia! Espero que gostem também.

terça-feira, 9 de fevereiro de 2016

Biscoitos fritos com 3 ingredientes

Foi a minha filha que está em Espanha a trabalhar que me lembrou destes biscoitos que costumava fazer e que eram bem mais simples do que as malassadas, o doce principal do Carnaval micaelense.Só levam três ingredientes e fazem-se num instante. Ficam muito fofinhos e nem são muito doces.
























Ingredientes:
1 lata de leite condensado
4 ovos
farinha q. b. para dar a liga

Nota: usei farinha com fermento, mas se não tiverem, adicionem 1 colher de sopa ( rasa) de fermento.

Bate-se tudo e estende-se a massa com o rolo. Fazem-se uns biscoitos que se fritam em óleo.


Para aliviar a consciência, usei leite condensado magro :D e aquele aparelhinho que está ao lado da lata para moldar os biscoitos. Muito prático, útil e barato.


Quando estão prontos, escorrem-se em papel absorvente e passam-se , ainda quentes, em açúcar em pó para que este agarre ao biscoito.

Fiz só metade da receita e fiquei com cerca de 30 biscoitos. É uma receita que rende bastante e que pode muito bem substituir a malassada, pois, como disse, não é preciso esperar para que a massa levede.


Espero que gostem A todos os que por aqui passam votos de um bom Carnaval.

(Receita tirada de um livro do chefe António Silva)






segunda-feira, 8 de fevereiro de 2016

Ovos mexicanos

Gostamos muito de sabores picantes e esta é uma receita bem prática, fácil e muito saborosa. Se não gostarem de picante podem usar menos malagueta, mas num instante ficamos com uma refeição de conforto.Num fim de semana em que não apetecia demorar muito tempo na cozinha, esta foi a refeição ideal.



Ingredientes( para 4 pessoas):

4 tortilhas
1 cebola
2 dentes de alho
1/2 pimento verde
1 malagueta vermelha ( usei jalapeños)
1 chouriço pequeno
1 lata de tomate aos cubos
molho picante q. b.
oregãos q. b.
4 ovos
azeite, sal e pimenta q.b.
100 gr de queijo ralado



Preparação:

Refogue a cebola e os alhos num pouco de azeite. Junte o chouriço picado,o pimento e a malagueta e cozinhe por mais 3 minutos. Adicione o tomate.

Tempere com sal e pimenta e deixe cozinhar por 4 minutos em lume brando. Acrescente um pouco de molho picante e oregãos.

Pincele as tortilhas com um pouco de azeite e leve-as ao forno com o grill ligado por cerca de 2 minutos.

Estrele os ovos com um pouco de azeite. Coloque as tortilhas em 4 pratos, por cima um pouco do molho de tomate, depois o ovo e polvilhe com o queijo e coentros ( não usei estes últimos).

Sirva de imediato. Pode acompanhar só com salada ou com  chips de batata doce ( sugestão minha,mas que o marido adorou!)



























( receita tirada da "Continente magazine" de fevereiro de 2015)

Por cá foi muito apreciada. Espero que gostem também.

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016

Bolachas com sementes


Estas são umas deliciosas bolachinhas, ótimas para ter à mão quando apetece por qualquer coisa na boca. As sementes ajudam a dar a crocância ( e a palavra entrou no português através dos concursos de gastronomia) e claro, um sabor bastante característico. A receita é da Nigella Lawson,mas vi-a no blog da Inês " Ananás e hortelã".























Ingredientes:

80 gr de manteiga
100 gr de açúcar mascavado
2 colheres de sopa de golden syrup ( usei mel)
1/2 colher de chá de bicarbonato
2 colheres de sopa de água quente
125 gr de farinha
50 gr de coco ralado
100 gr de flocos de aveia
25 gr de sementes de girassol
25 gr de sementes de abóbora
25 gr de sementes de sésamo



Preparação:

Misturar os sólidos numa taça ( farinha, coco, aveia e sementes)

Num tachinho ( usei o micro-ondas) derreter a manteiga com o mel e o açúcar.

À parte misturar o bicarbonato com a água quente, dissolver bem e misturar no preparado anterior.

Juntar esta mistura líquida aos sólidos e misturar bem ( na bimby são 20 segundos, velocidade 4). Colocar a massa no frio durante uns 20 minutos.

Retirar colheradas de massa ( costumo usar a colher de gelados) e dispor num tabuleiro forrado com tapete de silicone. Deixar um espaço de 2 a 3 cm entre as cookies. Espalmar ligeiramente com a ajuda de um garfo,por exemplo.




Levar ao forno pré-aquecido a 180º durante 10 a 15 minutos, dependendo dos fornos e se querem as bolachinhas mais ou menos crocantes.

Retirar do forno. O centro ainda vai estar mole,mas depois endurecem. Deixar arrefecer pelo menos 5 minutos antes de as retirar com uma espátula.




































































Como disse, são muito boas.Espero que gostem.

domingo, 31 de janeiro de 2016

Queen of puddings

E que tal se saíssemos da nossa zona de conforto e experimentássemos receitas mundialmente famosas? Estava lançado o desafio das amigas Lia e Susana, respetivamente dos blogues " Lemon and Vanilla" e "Basta Cheio". O desafio a que elas chamaram "Sweet World", propôs como primeiro doce a experimentar, precisamente o " Queen of Pudding", uma sobremesa muito típica e popular nas terras de Sua Majestade ( Reino Unido) e que é composta por três camadas: a de creme ( custard), a de doce e a última de suspiro. O objetivo é mantermo-nos fiéis ao produto original, embora possamos dar o nosso cunho pessoal. Usei a receita da Lia.























Receita daqui:
Nota: adaptei, como sempre, a receita à Bimby. Se quiserem vê-la pelo método tradicional, podem consultar o blog da Lia, cujo link deixei acima.

Ingredientes:

75 gr de miolo de pão fresco
600 ml de leite
 25 gr de manteiga
raspa de um limão
50 gr de açúcar
3 gemas
6 colheres de sopa de doce ( usei de groselha do Quintal dos Açores)

Para o suspiro;
3 claras
175 gr de açúcar confeiteiro

Colocar no copo as cascas do limão e o açúcar e programar 20 segundos, velocidade 9. Acrescentar o leite e a manteiga e programar 3 minutos, temperatura 50º, velocidade 3. Durante este tempo, ir juntando, pelo bocal, as gemas uma a uma. No fim, juntar o pão e deixar descansar 10 minutos, para que o pão absorva o leite.

Untar uma forma alta com manteiga ( usei spray) e polvilhar com pão ralado. Deitar o preparado na forma.

Aquecer água e verter para um tabuleiro. Colocar a forma ( com cuidado) no tabuleiro e cozer em banho-Maria, a 180º, durante 30 minutos. Ao fim deste tempo, retirar do forno, descartando o tabuleiro com a água. Deixar arrefecer.

Com cuidado espalhar o doce sobre o custard ( para facilitar a tarefa, aqueci o doce durante alguns segundos no micro-ondas).



Para o suspiro:

Bater as claras em castelo firme. Acrescentar o açúcar aos poucos ( uma colher de chá de cada vez) às claras e continuar a bater até obter um merengue firme. Espalhar o suspiro em cima do doce. Se quiserem um aspeto mais elaborado, podem usar um saco de pasteleiro ou então, com as costas de uma colher, podem fazer uns arabescos.

Levar de novo ao forno, desta vez apenas a 150º durante 20 minutos ou até que o suspiro fique crocante e douradinho.













































Servir morno ou à temperatura ambiente (  coloquei o meu no frigorífico, pois a Lia dizia que o achava enjoativo quente).













































Espero que gostem e experimentem,pois é mesmo deliciosa!

quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

Pão com sementes

Nota: ultimamente tenho tido alguns seguidores que não deixam o link dos seus blogues. Como norma, gosto sempre de retribuir a visita e tornar-me seguidora também e ,só pela foto, não o consigo fazer. Agradecia por isso, que deixassem sempre o link para os vossos blogues.



O cheirinho que se espalha pela casa quando se coze pão não se compara a nenhum outro. Gosto imenso de o ver crescer ainda na forma e depois,já no forno, inchar mais um pouco e começar a dourar . Confesso que fico muitas vezes a olhar para o forno como se de um ecrã se tratasse e estivesse a ver um programa de grande interesse, rsrs
Este pão com sementes e sultanas fica muito saboroso. Pode ser feito na máquina de pão, mas como já não a tenho fiz na Bimby, como sempre.





Ingredientes:

200 ml de água
1 iogurte natural ( cerca de 100 gr)
2 colheres de sopa de mel
1/2 colher de chá de sal
2 colheres de sopa de óleo
2 colheres de sopa de :
-sésamo
-linhaça
-girassol
-abóbora
uma carteira de fermento para pão ( 11 gr)
corintos ou sultanas a gosto
150 gr de farinha de trigo  integral
300 gr de farinha de trigo

Colocar a água, o mel e o fermento na Bimby e programar 1 minuto, temperatura 37º, velocidade 3. Acrescentar o iogurte, o sal e o óleo. Mexer mais um pouco. Juntar as farinhas e programar 30 segundos, velocidade 4 e 5 minutos velocidade espiga.

Acrescentar as sementes e as sultanas e programar 30 segundos, velocidade espiga, só  para envolver.

Deixar levedar até dobrar de volume.

Colocar na forma ( gosto de usar a forma Ultra Pro da Tupperware de 1,8 l) e deixar levedar de novo.
Polvilhar com mais algumas sementes a gosto.

Nesta fase, costumo levar ao forno a 50º durante 30 minutos.


Ligar o forno a 180º e deixar cozer durante 30 minutos ( mas depende dos fornos).

Retirar da forma e deixar descansar numa grade para não humedecer o pão.




Com manteiga ou doce fica uma delícia! Espero que gostem.

( receita inspirada numa do livro " 200 receitas de pão")

segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

Panquecas My Protein

As panquecas são sempre muito populares cá em casa.São ótimas para um pequeno-almoço que se toma com tempo , em amena cavaqueira, acompanhadas por uma fumegante chávena de café ou de chocolate quente, conforme as preferências. No entanto, nem sempre há tempo ou disponibilidade para a preparar. Recebi da My Protein uma embalagem para panquecas e não descansei enquanto não as preparei. Fazem-se num instante, tal como eu gosto.




























Ingredientes: ( seguir as instruções do pacote)

2 medidas de preparado  Protein Pancake Mix ( cerca de 50 gr)
100 ml de leite ( usei leite de coco)


 Bater tudo e deitar colheradas numa frigideira de fundo grosso, untada com manteiga ou margarina. Quando aparecem bolhas à superfície, voltam-se e deixam- se cozinha do outro lado.


Servi as panquecas com mirtilos e um pouco de mel ( mas ficam bastante doces, por isso podem até não por nada). São muito saborosas e saciantes.

Espero que gostem.