sábado, 30 de abril de 2016

Bolachinhas saudáveis só com 3 ingredientes

Por aqui continuo na descoberta ( e experiência) de receitas menos calóricas,mas que sejam saborosas. Assim, fiz estas bolachinhas que foram muitíssimo apreciadas e que se fazem num instante. Não levam açúcar,mas são doces q.b.
























Receita daqui:

1 chávena de coco
10 tâmaras
1 colher de sobremesa de óleo de coco

Num processador de alimentos juntar todos os ingredientes e bater até estar tudo ligado. Na Bimby são 30 segundos, velocidade 6.

Moldar bolachinhas ( usei uma forma para as cortar) e levar ao forno a 175º,em tabuleiro forrado com papel vegetal, durante 10 minutos,
























Ficam deliciosas e crocantes.
























Espero que gostem.

quinta-feira, 28 de abril de 2016

Barritas de cereais

Gosto de ter na lata algumas bolachinhas caseiras  feitas com ingredientes saudáveis.Assim, quando apetece mordiscar um snack, sabemos  o que estamos a comer e fazemo-lo sem ( grandes) culpas. Estas barritas foram a sugestão de uma nutricionista que fez uma ação de sensibilização na minha escola, de modo a mostrar aos miúdos que podiam comer lanchinhos saborosos  que são ao mesmo tempo saudáveis e não muito calóricos. Ela fez as barritas com amendoins ,mas eu já experimentei com outras  frutos secos e ficaram sempre muito bons.
























Ingredientes para 20 barritas

330 gr de amendoins torrados ( já fiz também com avelãs e cajús)
3 claras
200 gr de cornflakes
65 gr de mel
1 colher de sopa de óleo de coco

Modo de preparação:

Colocar os amendoins e os cornflakes num saco plástico e triturar com o rolo da massa ( usei a Bimby, velocidade turbo, uns segundos)

Bater as claras em castelo.
Misturar todos os ingredientes e no fim, envolver as claras.

Moldar a mistura em forma de barrinhas ( as minhas ficam sempre uma espécie de croquetes) e colocar num tabuleiro untado e forrado com papel vegetal. Levar a cozer em forno pré-aquecido a 180º durante 10 minutos.















































Informação nutricional:
150 kcal   5.3 g Proteína   12.9 g Hidratos de carbono    8.6 g Lípidos

São muito saborosas e saciantes. Espero que gostem.

domingo, 24 de abril de 2016

Donauwelle Torte

Este bolo "ondas do Danúbio" foi o quarto desafio do "Sweet world"  proposto pelas amigas Lia ( Lemon and vanilla) e Susana ( Basta cheio). Até agora tenho gostado imenso de todas as receitas experimentadas e sugeridas quer por uma quer por outra. Embora nem sempre pareçam fáceis ou de rápida execução, o trabalho investido tem valido a pena, que mais não seja para me obrigar a sair da minha zona de conforto e a aventurar-me em receitas do mundo, que se calhar de outra forma, não experimentaria.
O bolo que trago hoje nem é muito complicado. Demorado sim, mas só porque temos de esperar entre camadas. É um conhecido bolo de origem austríaca e alemã (embora confesse que nunca tinha ouvido falar dele) e deve o seu nome ao efeito ondulado e marmoreado do seu interior bem como às ondas desenhadas no chocolate da cobertura, numa alusão ao rio Danúbio cujas águas turbulentas atravessam os dois países.


Ingredientes (receita da Susana)

Bolo:
2 ovos grandes
100 gr de manteiga
100 gr de açúcar
200 gr de farinha
1 colher de sobremesa de fermento
80 ml de leite
1 colher de sopa de cacau
300 gr de cerejas em calda ( só usei 200 gr que era o que tinha )



Pudim:
250 ml de leite
100 gr de açúcar
1 colher de sobremesa de extrato de baunilha ( não usei)
1 ovo+ 1 gema
50 gr de amido de milho ( usei farinha Custard, daí não ter usado a baunilha)
100 gr de manteiga à temperatura ambiente

Cobertura:

80 gr de chocolate negro
40 gr de chocolate de leite

Começar pelo pudim ( como sempre fiz na Bimby):

Juntar todos os ingredientes no copo à excepção da manteiga e programar 8 minutos, temperatura 90º, velocidade 4. Reservar e deixar arrefecer.

Bolo:

Pré-aquecer o forno a 180º. forrar uma forma quadrada de 20x20 com manteiga e forrar com papel vegetal.

Bater a manteiga com o açúcar e os ovos durante 1,30 minutos até obter um creme fofo e esbranquiçado. Acrescentar o extracto de baunilha e a farinha misturada com o fermento, alternando com o leite, até acabar.

Colocar 2/3 da massa na forma e à restante acrescentar o cacau e 1 colher de  sopa de leite. Misturar bem e verter este segundo preparado por cima do primeiro. Alisar a superfície.

Distribuir as cerejas que estiveram a escorrer durante 30 minutos pela massa. Se esta estiver muito firme, pressioná-las ligeiramente para que entrem um pouco na massa e ajudem a criar o efeito onda.



Levar ao forno cerca de 25 minutos ou até que o palito inserido no meio saia limpo. Retirar do forno e deixar arrefecer.



Juntar agora a manteiga à temperatura ambiente ao pudim até obter um creme suave.

Quando o bolo estiver frio , voltar a colocá-lo na forma. Cobrir o bolo com o pudim e levar ao frigorífico durante 30 minutos ( de um dia para o outro no meu caso).



Retirar do frio cerca de 1 hora antes de aplicar o chocolate.( Nesta fase é essencial que o creme esteja à temperatura ambiente)


Para a cobertura:

Derreter os chocolates em banho-Maria. Quando estiver bem macio e uniforme, deixar arrefecer ligeiramente e espalhar por cima do creme. Com um garfo, de forma suave, desenhar ondas no chocolate.







































































quarta-feira, 20 de abril de 2016

Quiche de legumes e queijo Feta

Gosto muito de legumes principalmente se forem assados. Esta quiche foi inspirada numa receita de um novo livro que comprei, o "Iguarias saudáveis" de Isidora Popovíc. Digo "inspirada" pois não tinha à mão todos os ingredientes  e misturei várias receitas até obter esta saborosa quiche.  O livro, no entanto, está cheio de deliciosas sugestões e tenho já várias páginas marcadas,quer doces quer salgadas. A massa desta tem a particularidade de levar fermento de padeiro na sua composição.
























Ingredientes para a massa:
220 gr de farinha
1 colher de chá de fermento de padeiro
1 ovo
 1/3 de colher de chá de sal
80 ml de água
 2 colheres de sopa de azeite.

Amasse todos os ingredientes até que a massa se desprenda das mãos. ( Na Bimby são 3 minutos, velocidade espiga). Forre a tarteira e prossiga com a receita.

Recheio:

1 curgete cortada às rodelas fnas
1 cebola roxa aos cantos ou às rodelas
uma tira de pimentão
2 dentes de alho picados
1 tomate partido
sal, pimenta e azeite para temperar os legumes


Tape o tabuleiro com papel de alumínio e leve ao forno a 200º durante 20 minutos.

Enquanto assam...

Escalde durante 30 segundos cerca de 150 gr de espinafres e escorra. Depois pique grosseiramente. Envolva os espinafres em queijo feta esmagado com os dedos e tempere com alhos picados.

Bata :
2 ovos
com 1 pacote de natas ( 200 ml)

Na tarteira forrada coloque um pouco dos ovos. Por cima os legumes assados e escorridos, o espinafre com o queijo e por fim os ovos restantes.


Leve ao forno a 180º durante 30 minutos.


Espero que gostem.



domingo, 17 de abril de 2016

Tarte de morangos e suspiros

E eis que eles aí estão, os morangos grandes e sumarentos , que se propiciam a deliciosas sobremesas.
Gosto imenso de morangos e como começam a aparecer em força, pensei logo numa sobremesa para hoje. A receita veio de uma amiga, Nazaré C.,que diz não ter paciência para grandes "complicações" e por isso costuma fazer esta tarte rápida e deliciosa , que é  um sucesso lá em casa. Claro que já lhe dei o meu toque pessoal, adaptando-a, como sempre, à Bimby, No entanto, pode facilmente ser feita sem ela.
























Ingredientes:

Base: uma massa folhada de compra.

Recheio:

 1 lata de leite condensado
 a mesma lata de leite comum
 2 ovos ( usei 3)
2 colheres de sopa de farinha Maizena ( usei farinha Custard)


200 gr de morangos
100 gr de açúcar

Começar por triturar os morangos. Juntar o açúcar e programar 5 minutos, temperatura 100º,  velocidade 4. Reservar.

No copo da Bimby juntar os restantes ingredientes e programar 8 minutos, temperatura 90º, velocidade 3.

Nota: A Nazaré costuma misturar tudo e vazar simplesmente na forma já forrada com a massa e não tritura os morangos. Usa uma embalagem de frutos vermelhos.

Forrar a tarteira com a massa folhada. Cobrir com o creme de leite condensado.


Cobrir com metade do doce de morango e misturar com um garfo para obter um efeito marmoreado.


Levar ao forno pré aquecido a 250º. Quando se coloca a tarte no forno, reduz-se para os 200º onde coze cerca de 15 minutos ( mas depende dos fornos)

Quando sai do forno, cobre-se com suspiros esmagados.




Espero que gostem.





quinta-feira, 14 de abril de 2016

Cogumelos Portobello recheados


Embora os dias permaneçam frios, a primavera já chegou e com ela os dias maiores .À noite, no entanto, continua a apetecer uma comida de forno que nos conforte. Estes cogumelos Portobello podem ser recheados de várias formas e com vários ingredientes. Aqui a imaginação é o limite.Ficam muito saborosos e nem são muito calóricos.



Ingredientes:

4 cogumelos Portobello
1 cebola roxa
1 tomate
pimentão picado ( umas tiras)
fatias de bacon ( 3 ou 4 partidas aos pedacinhos)
3 dentes de alho
salsa picada a gosto
sal, pimenta e oregãos
azeite q.b.
queijo ralado ( cerca de 4 colheres de sopa ou a gosto)

Coloque os cogumelos voltados para cima num tabuleiro forrado com papel vegetal ou tapete de silicone. Retire os pés .



Pique a cebola, os alhos ,os pés dos cogumelos e o tomate ( Bimby 10 segundos, velocidade 5). Acrescente o pimentão picado , as fatias de bacon e a salsa. Tempere com sal e pimenta . Junte o azeite e refogue até amolecer a cebola ( Bimby: 5 minutos, temperatura 100º, velocidade 3)



Recheie os cogumelos , polvilhe com queijo ralado e leve ao forno pré-aquecido a 180º durante 15 minutos ou  até derreter o queijo. Polvilhe com oregãos e sirva com uma salada de tomate e queijo fresco,por exemplo.
























Espero que gostem.

Quero agradecer à amiga Mirtes do blog  História do Feocromocitoma   que me atribuiu o prémio "Dardos"


Este prémio é atribuído aos blogueiros para reconhecer " o esforço, a criatividades e a dedicação para manter o blog".Vem com algumas regras. A saber:

-indicar blogues que preencham os requisitos acima mencionados
- exibir a imagem do selo
-mencionar o blog que ofereceu bem como o respetivo link.

Neste momento,não estou a conseguir ter disponibilidade para indicar blogues de amigas e, como são todas merecedoras do prémio, sintam-se à vontade para o levarem.



domingo, 10 de abril de 2016

Hot cross buns

O ano passado , pela Páscoa, fiz uns "hot cross buns" que foram muito apreciados cá em casa. Este ano, tinha pensado voltar a fazê-los,mas a Lia do blog Lemon and Vanilla, adiantou-se e propôs como tema para a terceira edição  do desafio  "Sweet World" precisamente ...Hot Cross Buns.
Há inúmeras receitas destes deliciosos bolinhos tradicionais da Páscoa britânica. Antigamente só podiam ser feitos e comidos na sexta-feira Santa,mas hoje em dia já se encontram à venda durante todo o ano. São feitos de massa lêveda e devem ter uma cruz no topo. No seu interior têm de levar passas de uva e groselhas secas. Nos meus usei corintos e sultanas. A minha receita foi baseada na da Lia ,mas também numa outra do"Taste of Home" da Martha Stewart.



Ingredientes:

500 gr de farinha
75 gr de açúcar
10 gr de levedura
175 gr de leite morno
75 gr de manteiga
2 ovos
75 gr de corintos e sultanas
1 colher de chá de uma mistura de canela, gengibre em pó e nóz moscada
1 colher de café de sal
1 ovo batido com um pouco de água para pincelar

Icing:
1 chávena de açúcar em pó
3-5 colheres de sopa de leite ou sumo de limão

Modo de fazer:

Combinar a farinha, sal,fermento e açúcar. Juntar os ovos ,leite,  manteiga e as especiarias e amassar muito bem até que a massa fique elástica.

Na Bimby: bater todos os ingredientes ( menos os frutos secos) 30 segundos, velocidade 4 e 5 minutos velocidade espiga. Acrescentar os corintos e voltar a amassar mais um minuto, velocidade espiga.

Deixar a massa levedar durante uma hora.

Moldar pequenas bolinhas Colocá-las num tabuleiro protegido com papel vegetal ou tapete de silicone. Cobrir com um pano limpo e deixar levedar novamente durante 30-45 minutos.

Com uma faca afiada cortar uma cruz no topo de cada bolinho. Pincelar com uma gema batida com um pouco de água.

Levar ao forno a 180º durante 15-20 minutos ou até que fiquem dourados. Retire para uma grade para que arrefeçam.

Icing:

Misture o açúcar com leite ou sumo de limão suficientes para formar uma pasta com a consistência ideal para desenhar uma cruz no topo de cada bolinho.

























































Espero que gostem.